quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Comer para emagrecer

Dicas de como fazer a dieta dar certo

É sabido que, para emagrecer, é necessário transformar os hábitos alimentares. Simples? Nem tanto. Para muita gente é difícil mudar a forma de se relacionar com a alimentação.
A chave é saber diferenciar quando se está com fome, fazer um planejamento, aprender a substituir os alimentos e programar os abusos”, diz a nutricionista. Ela ressalta que isso acompanha um entendimento maior da alimentação. “Não basta fazer uma dieta e apenas pensar em calorias. Deve-se pensar amplamente."

Os aliados e inimigos da dieta
Na publicação, Bia sugere uma dieta com cardápio balanceado para quem quer emagrecer. Nele estão as dicas que ela expõe no livro, como o consumo de alimentos ricos em fibras, proteínas. Ela também não descarta os exercícios físicos e o sono – o emagrecimento depende de uma vida saudável. E os inimigos? Lá estão eles: comer sem pensar, inventar desculpas, se esbaldar sem limites no fim de semana estão na lista negra – e extensa – da nutricionista.


Planejamento e 'abusos programados' 

Não há escapatória: a dieta precisa ser planejada. Até mesmo para cair de boca em um docinho de vez em quando. “Acho impossível no mundo de hoje falar que vai fazer uma dieta sem os abusos programados”. Só que isso não significa jogar tudo para o alto no final de semana.  “O abuso programado é: eu gosto de bolo mais do que de bolinha de queijo. Então vou me permitir uma fatia de bolo no domingo. Isso é programar um abuso”.  

Para quem come fora e acha difícil manter a dieta, a nutricionista reforça: “sempre há opções quando se planeja, se coloca a dieta como prioridade”. 

Conhecimento e motivação

Para Bia, o conhecimento e a disciplina aliado à motivação são fundamentais para que uma dieta vingue.  “O conhecimento ajuda, mas não é suficiente. É necessária a motivação interna para buscar os caminhos e criar recursos pra lidar com suas vulnerabilidades” 

O Que Comer Para Emagrecer?

Infelizmente, muitas pessoas ainda pensam que ficar sem comer irá fazê-las eliminar peso… Já está mais do
que provado que comer de 3-3 horas acelera o metabolismo, aumentando a queima de gordura e ajudando no processo de emagrecimento. Saiba que ao se consultar com um nutricionista, de forma alguma você terá que passar fome. Muito pelo contrário, na maioria das vezes as pessoas assustam, pois terão que comer mais do que comiam, o que muda é a qualidade desses alimentos.

Mas quais opções escolher? O que comer? Que alimentos ajudam a emagrecer?

Confiram os alimentos TOP em auxiliar o emagrecimento:

IOGURTE E LEITE DESNATADOS: Itens indispensáveis para quem deseja emagrecer. Os laticínios sem gordura são fontes de proteínas, vitaminas, minerais, como, por exemplo, o cálcio, que atua como coadjuvante no processo de emagrecimento. Quem tem dieta rica em cálcio, tem menos acúmulo de gordura no corpo! Sem contar que as proteínas do leite são de ótima qualidade, reparam fibras musculares e aceleram o metabolismo (assim como as outras proteínas animais também);
CEREAIS INTEGRAIS: Hora de eliminar farinha branca e açúcar do seu cardápio! Os cereais integrais são ricos em fibras, nutrientes e possuem baixo índice glicêmico, fazendo com que sua glicemia fique estável e não haja picos de insulina a todo o momento, grande responsável por estocar gorduras corporais;
PROTEÍNAS MAGRAS: Como dito anteriormente, uma dieta rica em proteínas ajuda a acelerar o metabolismo, pois sua digestão é a mais complexa entre todos os macronutrientes, então, capriche no consumo de proteínas magras em todas as refeições;
VEGETAIS: Aumente o consumo de frutas/legumes e verduras ao longo do dia, afinal, eles são pobres em calorias e gorduras, rico em fibras, água, vitaminas e minerais, auxiliando no processo de emagrecimento. Os únicos vegetais que devem ser consumidos com moderação são: batata, mandioca, inhame, cará, mandioquinha, abacate, manga, uva e batata-doce, pois possuem um pouco mais de calorias do que os outros;
FEIJÃO: Ouço muito por aí: “Quero emagrecer então vou cortar arroz e feijão!”, grande besteira… Essa dupla é super saudável e não podem ser eliminada da dieta, principalmente o feijão que é rico em ferro, fibras, proteínas vegetais e ajuda na saciedade;
OLEAGINOSAS: Devido ao seu alto teor de gorduras, as castanhas, amendoim, amêndoas e afins, geralmente não fazem parte do cardápio de quem quer emagrecer… é uma pena, afinal, se consumidos com moderação (1 punhado – 1x/dia) , irão ajudar no emagrecimento;
ÁGUA: A população no geral ingere menos água do que o recomendado, então, se você quer emagrecer, deve aumentar o consumo de água que: reduz o apetite, melhora o intestino, diminui o inchaço, elimina toxinas e acelera o metabolismo!

Obs: Achei essas matérias na internet e resolvi postar. Tenho uma amiga que chegou ao seu minimo comendo 6 vezes ao dia, pequenas porções, claro. Eu apoio totalmente as pessoas comerem, não é porque eu tenho um T.A que vou sair por aí dizendo pra pessoa passar fome, não sou e sou contra pró-ana/mia. É claro, cada um faz o que quer, não sou hipócrita, ajudo como puder. 

Eu espero que tenham gostado, de verdade. 

Para quem quiser ver a matéria completa, aqui está os links.

Daniel Lamonier

Nenhum comentário :

Postar um comentário